High Fidelity: Zoë Kravitz estrela a nova adaptação do livro de Nick Hornby

Baseada no cultuado livro de Nick Hornby, High Fidelity (Alta Fidelidade aqui no Brasil) vai ganhar uma nova adaptação em formato de seriado protagonizado por Zoë Kravitz (Big Little Lies).

O livro já havia sido tranformado em um filme, que fez muito sucesso nos anos 2000 protagonizado por John Cusack e com Lisa Bonet, mãe de Zoë Kravitz, interpretando uma das ex-namoradas do protagonista. Na trama da série do canal Hulu Rob (Zoë Kravitz) é uma dona de um loja de discos que mora no Brooklin em Nova Iorque, ela relembra cinco de seus términos de relacionamentos mais marcantes, ao mesmo tempo em que lida com a volta de um antigo amor a cidade. Isso tudo junto com uma trilha sonora memóravel que passa pelo punk, pop, hip-hop e rock.

Leia também:
Insecure: 10 motivos para assistir a série
“Ela quer tudo”: 10 motivos para entrar no mundo de Nola Darling
Crazyhead: demônios, risadas e Susan Wokoma

O trailer lançado recentemente é embalado pelo hit Modern Love de David Bowie. High Fidelity estreia dia 14 de fevereiro nos EUA, bem no Dia dos Namorados americano.

Ter Zoë protagonizando uma série sobre relacionamentos, em que uma mulher negra reflete sobre a sua vida amorosa, pode ser muito interessante para uma geração que tem séries como Insecure e Ela Quer Tudo como referência de protagonistas femininas negras contemporâneas.

É interessante ver como cresce cada vez mais a demanda por produções como essa, que mostram outros lados do que é ser uma mulher negra na nossa sociedade contemporânea. Somos diversas no comportamento, nas vontades e vivências. Ver isso sendo representado nas telas é muito importante. Além de atuar, Kravitz também é produtora executiva da série e podemos esperar algo interessante vindo daí.

Veja o trailer de High Fidelity:

Tânia Seles

Sou formada em Artes Visuais, apaixonada por arte, música, livros e HQs. Editora dos sites Las Pretas e Sopa Alternativa.