5 Instafoods de comida africana que você precisa conhecer

Conheça 5 Instafoods de culinária africana que vão além das fotos de comida tradicionais que você está acostumado a ver na rede social.

O Instagram é uma rede social conhecida pela necessidade das pessoas postarem fotos do que eles estão comendo ou já comeram ao longo do seu dia. As contas de Instafoods (como são conhecidos os blogueiros culinários da rede), são algumas das que mais fazem sucesso e mantém grandes audiências e uma legião de seguidores.

Quando falamos do continente africano a mídia escolhe sempre mostrar as mazelas e a fome e acabamos não conhecendo a rica cultura de seus países e nem os hábitos alimentares da população. Falar de comida pode parecer fútil, mas é mais uma forma de mudarmos a narrativa única do continente e aprendermos mais sobre a cultura da região. Comer é uma das necessidades mais básicas do ser humano e que mostra muito da cultura de uma região ou país. Dessa forma fugimos do olhar do colonizador sobre a África.

Veja também:
3 restaurantes africanos que você precisa conhecer em São Paulo
Everyday Africa: o perfil no Instagram que registra o cotidiano da região

O Las Pretas selecionou 5 instafoods de comida africana para você conhecer a culinária da região e aprender um pouco mais sobre o estilo de vida dos moradores dos países africanos. Estamos acostumados a ter contato com a gastronomia dos países europeus e acabamos ignorando as outras formas de compartilhar conhecimento e amor através da comida.

Espero que você não esteja com fome enquanto conhece esses cinco perfis de instafoods que vão te deixar babando e morrendo de vontade de comer um peixe assado com banana da terra ou um ensopado maravilhoso.

Black Foodie

Black Foodie é uma plataforma digital, fundada pelo etíope-canadense Eden Hagos, que explora comida e estilo de vida do ponto de vista negro. Eles celebram o melhor da culinária africana, caribenha e sulista.

View this post on Instagram

It was all good just a month ago 🙏🏾 Taking this moment to be grateful for all of the amazing Black owned restaurants that have hosted us & brought joy to our lives. While in Grand Rapids, Michigan last month we went on a full #BLACKFOODIE tour of the city and found so many gems like this Haitian restaurant @chezolgarestaurant We wrote about our adventures & created a Black Foodie guide to @experiencegrandrapids our hope was that folks would make the trip and enjoy some of the dope #blackfoodie gems we showcased. We know we can’t visit right now, but when this passes it’s first on our list. Check out the link in bio to read why. And check out our stories for a snippet of our #GrandRapids foodie adventures. Let’s reminisce and stay positive ❤️ #haitianfood #blackchefs #saverestaurants #blackgirlmagic #visitmichigan #savesmallbusinesses #experiencegrandrapids #experiencegr #pikliz #akra #haitianmarinade #haitiancuisine #haitianchefs #eastowngr #michiganrestaurants

A post shared by BLACK FOODIE™ (@blackfoodie.co) on

My African Food Map

My African Food Map é um projeto que seleciona uma coleção com os pratos mais populares do continente africano. Eles já destacaram pratos da Etiópia, África do Sul, Quênia e Gana.

9jafoodie

Ronke Edoho, dona do perfil, nos ensina como se alimentar de maneira saudável com a culinária nigeriana. Suas receitas provam que é possível manter um estilo de vida leve cozinhando a sua própria comida, além de conhecermos um pouco da cultura alimentar da Nigéria.

Sudanese Kitchen

Nesse perfil conhecemos a comida caseira sudanesa, seu criador Omer Eltigani, começou o projeto no intuito de documentar e celebrar a culinária e a cultura sudanesa.

View this post on Instagram

So lucky to be invited to a wonderful Habouba’s home to ask questions about my project. Upon arrival she serves fuul (fava beans)➡️, fattat adas (red lentils with bread)⬅️, um fit-fit (stewed lamb tripe with peanut butter, garlic and lime⬇️, a chilli dip ↙️and the local bread🔄. A dessert plate of shieria (sweetened vermicelli noodles) is also on our tray ⬆️. The Habouba is from Darfur though has family from Northern Sudan staying with her and is very knowledgeable about regional foods. The food is delicious ofc and their warm hospitality is so comforting. Ofc it doesn’t just end there…. #sudan #sudanesefood #sudanesefoodie #um_fit_fit #sudanesehospitality

A post shared by المطبخ السوداني (@sudanesekitchen) on

A Taste of Zimbabwe

Fundado pela food blogger Ivy Mango Chatora, esse perfil destaca os pratos da culinária do Zimbabwe produzidos por Ivy em belíssimas fotografias, que nos deixam com água na boca só de olhar.

Referências:
http://www.okayafrica.com/11-african-food-instagram-cook-like-mom/

Tânia Seles

Sou formada em Artes Visuais, apaixonada por arte, música, livros e HQs. Editora dos sites Las Pretas e Sopa Alternativa.