[Playlist] O que você precisa ouvir no primeiro semestre de 2019

Listamos os melhores lançamentos do primeiro semestre de 2019 em playlists mensais para você se atualizar com o que de melhor tem sido lançado na música.

A cantora Lizzo é um dos destaques do começo do ano, em seu primeiro álbum na carreia solo “Cuz I Love You”, ela já veio com tudo com o hit chiclete “Juice”. Além de rechear o trabalho com faixas como Tempo, com a participação da maravilhosa Missy Elliot, Cuz I Love You, faixa título do álbum, e Like a Girl. Lizzo definitivamente teve a mehor estreia do ano e já se apresentou no Coachella desse ano e está fazendo sucesso por onde passa. 2019 é o ano dela!

Outro nome que não poderia ficar de fora da nossa lista é a rapper Cardi B, que se tornou a primeira mulher a vencer o Grammy na categoria Melhor Álbum de Rap do ano e no embalo lançou “Please Me”, uma parceria gostosinha com Bruno Mars, lembrando muito o R&B dos anos 90. E esse visual do videoclipe?

Confira os lançamentos de Janeiro e Fevereiro:

Solange também lançou um álbum novo no começo de março que surprendeu muita gente. Depois do aclamado “A Seat at the Table”, que discute negritude e política de maneira contemporânea e primorosa, sem deixar de lado as questões das mulheres negras, se tornanado um dos grandes lançamentos da década. A irmã mais nova de Beyoncé surpreende novamente com “When I Get Home”, um trabalho totalmente conceitual carregado de afrofuturismo e yeehaw, em uma estética pouco comercial, mas totalmente condizente com quem Solange é como artista. As faixas “Almeda” e “Stay Flo” são os destaques do álbum.

Veja também:
[Playlist] Ouça Mulheres Negras
[Playlist] Afro-Amor: canções para celebrar o amor negro

Confira os lançamentos de Março:

Outro lançamento que entrou direito no topo no ranking da Billboard e se tornou, com certeza, um dos hits de 2019 foi “Old Town Road”, parceria do rapper Lil Nas X com o cantor country Billy Ray Cyrus. A música, que mistura rap e country de uma maneira inovadora, deixou todo mundo com vontade de colocar um chapéu de cowboy na cabeça e cavalgar por aí. Sendo mais um exemplo do yeehaw movement (falaremos mais dele em breve). Apesar de todo o sucesso que a música fez, ela não pode concorrer nas principais categorias de música country e foi retirada do ranking country da Billboard, por não ser considerada “country o suficiente”, parece que nós negros ainda não podemos fazer certas coisas na música (shame).

Abril também foi o mês de “Homecoming”, o aclamado documentário de Beyoncé sobre a sua participação no Festival Coachella de 2018, quando fez de sua apresentação um momento histórico ao se tornar a primeira mulher negra headliner do festival (shame). A apresentação foi tão poderosa que o #Beychella, se tornou um marco na cultura pop. Junto com o doc também veio um álbum com as faixas tocadas no show ao vivo e o lançamento Lemonade, álbum lançado em 2016, nas principais plataformas de streaming após o Tidal (serviço de streaming do Jay-Z) liberar.

Anderson .Paak também lançou Ventura em abril, álbum com a participação de nomes como Smokey Robinson, Jazmine Sullivan e Brandy.

Aqui no Brasil foi a vez de IZA nos presentear com o single “Brisa”, um reggae com pitadas dos anos 90. O videoclipe é cheio de referências à Jamaica, com uma sonoridade característica que destoa dos trabalhos anteriores da cantora, voltados mais para o pop, mas o trabalho é impecável como tudo o que IZA faz.

FKA Twigs também resolveu voltar a ativa, após três anos sem novidades suas. O single “Cellophane” veio acompanhado de um videoclipe em que a moça mostra todo o seu empenho e destreza no pole dancing. Confiram abaixo o videoclipe belíssimo:

Confira os lançamentos de Abril:

Em maio Tyler, The Creator lançou IGOR, que está fazendo um sucesso enorme com ERFQUAKE, hit que ajudou o rapper a alcançar o topo do Bilborad 200 pela primeira vez. IGOR é um dos destaques do primeiro semestre de 2019 e da carreira do rapper.

Jamila Woods também lançou trabalho novo com o álbum “LEGACY! LEGACY!, cujo nome já diz muito sobre as intenções da artista, com faixas como BALDWIN, EARTHA e BASQUIAT, a cantora trouxe um trabalho cheio de referências a pessoas que deixaram um legado para o povo negro na arte.

E Drik Barbosa dessa vez não veio sozinha, chamando Karol Conká e Gloria Groove para uma parceria cheia de marra no hit “Quem tem Joga”, uma mistura de funk, pop e rap.

Coruja BC1 lançou “Psicodelic”, seu aguardado álbum que traz participações de nomes como Djonga, Késia Estácio, Diomedes Chinaski, Zudizilla, Akill Mabili, Boy Killa e Obigo. O rapper trata de temas como amor, negritude e trauma em seu disco, que já se tornou um dos principais lançamentos do ano.

Emicida também lançou o single “Eminência Parda” com a participação de Dona Onete, Jé Santiago e Papilon. No vídeo o cantor coloca o dedo na ferida da classe média brasileira.

Outra novidade é a volta do Seratones, banda liderada pela maravilhosa AJ Haynes. Junto com o single veio o anúncio de um álbum novo em breve e uma turnê pelos EUA ainda em 2019.

E para fechar Flying Lotus está com um laçamento saindo forno. Confiram:

Confira os lançamentos de Maio:

Siga o Las Pretas no Spotify para ouvir playlists com protagonismo negro.

Tânia Seles

Sou formada em Artes Visuais, apaixonada por arte, música, livros e HQs. Editora dos sites Las Pretas e Sopa Alternativa.