Quem é Ryan Coogler? De onde veio? O quê come?

Ryan Coogler

História

Nascido em 23 de maio de 1986, em Oakland, Califórnia. Ryan Coogler é filho de Joselyn Coogler, organizadora comunitária e Ira Coogler, juvenile hall probation counselor¹, ambos graduados na California State University.

Viveu em Oakland até os oito anos, depois se mudou para Richmond, Califórnia. Em sua juventude corria trilhas e jogava futebol americano. Estudou no Saint Mary’s College High School, uma escola católica e privada em Berkeley, era bom em matemática e ciência. Entrou na universidade Saint Mary’s College of California, devido a uma bolsa de futebol, no seu primeiro semestre, pretendia estudar Química. Rosemary Graham, uma de suas professoras o encorajou  a perseguir a carreira de roteirista.

Coogler foi para Sacramento State, porque o programa de futebol americano de qual fazia parte em Saint Mary’s foi cancelado em 2004. Em Sacramento State, obteve sua major² em finanças e pegou quantas aulas de cinema conseguia encaixar, devido ao rigor do colégio de futebol. Frequentou USC School of Cinematic Arts e fez uma série de curtas metragens.

¹ Optei por manter essa profissão em inglês, porque não há uma profissão equivalente no Brasil e a tradução não é precisa.
² Nas graduações em universidades no exterior major é a área de especialização que se pretende seguir carreira profissional.
Ryan Coogler e Michael B. Jordan.
Ryan Coogler e Michael B. Jordan.

Carreira

Durante a USC Coogler dirigiu quatro curtas-metragens, três deles foram nomeados e ganharam vários prêmios, por exemplo Locks (2009), que foi exibido em Tribeca Film Festival e ganhou o prêmio Dana e Albert Broccoli por excelência de filmagem. Os curtas metragens dirigidos foram:

  • Locks (2009)
  • Fig (2011)
  • Gap (2011)
  • The Sculptor (2011)

Longas-Metragens

 

Fruitvale Station: A Última Parada (2013)
Sinopse: Baseado em fatos reais, o filme conta as últimas 24 horas em que Oscar Grant III, esteve com sua família, amigos, inimigos e estranhos no último dia de 2008.

Além de diretor, Ryan Coogler foi o roteirista do filme que recebeu 53 nomeações e ganhou 39 delas. Junto com Michael B. Jordan, Coogler foi nomeado pela revista TIME como uma das 30 pessoas com menos de 30 anos que estão mudando o mundo.

O orçamento do filme foi de 900 mil dólares e teve um faturamento mundial de aproximadamente 17 milhões de dólares e tem 94 porcento de aprovação no site de críticas Rotten Tomatoes.

* O filme está disponível para assistir na Netflix.

Creed: Nascido para Lutar (2015)
Sinopse: Rocky Balboa, que já foi o campeão dos pesos pesados no boxe, atualmente aposentado, serve como treinador e mentor de Adonis Johnson, filho do seu antigo rival e famoso boxeador Apollo Creed.

Outra vez além de diretor Ryan Coogler foi roteirista, todavia o roteiro foi feito em conjunto com Aaron Covington. O filme recebeu 64 nomeações e ganhou 46 delas, sendo uma delas ao Oscar de melhor ator coadjuvante, todavia não ganhou.

O orçamento estimado do filme é 35 milhões de dólares, teve um faturamento de 173,567,581 milhões de dólares e 95 porcento de aprovação no Rotten Tomatoes.

O filme está disponível para assistir na Amazon Prime.

Pantera Negra (2018)

 

Sinopse: Depois da morte de seu pai, o Rei de Wakanda, T’Challa, retorna a seu país, uma nação africana isolado com tecnologia avançado para suceder o trono e se tornar o Rei.
Mais uma vez Ryan Coogler além de diretor foi roteirista, mas como em Creed ele não desempenhou essa função sozinho, o roteiro foi feito em conjunto com Joe Robert Cole.

O orçamento estimado do filme é 200 milhões de dólares, possui 97 porcento de aprovação no Rotten Tomatoes. Até o momento, – dia 5 de março de 2018 – estima-se que o filme esteja perto de arrecadar 900 milhões de dólares. É a maior abertura global de um filme com um elenco majoritariamente composto por pessoas negras. E é a quinta maior abertura de um filme em um final de semana de todos os tempos.

O filme está disponível para assistir no seu cinema mais próximo.

Projetos Futuros

Sem previsão de lançamento e ainda com poucas informações, Ryan Coogler vai dirigir Wrong Answer¹, baseado no escândalo de roubos das Escolas Públicas de Atlanta.
Um professor de matemática em Atlanta é escandalizado quando procura obter financiamento para a sua escola, alterando os resultados dos testes dos alunos.

¹ Ainda não há título em português.

 

Ryan Coogler e Chadwick Boseman.
Ryan Coogler e Chadwick Boseman, nos bastidores do filme Pantera Negra.

Importância

Ryan Coogler em Fruitvale, demonstrou possuir sensibilidade apurada para contar a história do último dia de Oscar Grant, mas isso não é abordado de uma forma previsível, Coogler te traz para o mundo do protagonista e faz você se sensibilizar com a história dele de uma maneira muito profunda. Creed conquista um efeito similar a Fruitvale, através do legado de Apollo, explorando um personagem que havia caído no esquecimento por muitos espectadores.

Pantera Negra com um elenco majoritariamente composto por atores negros, mostrou que sim, filmes de heróis negros são capazes de fazer sucesso internacional. A representação que o filme no universo de super-heróis é extremamente importante, as personagens femininas são incríveis, o antagonista em alguns momentos rouba a cena e nos faz sentir empatia, sem sombra de dúvidas é um dos melhores vilões da Marvel.

“Me deixe dizer, vários dos meus filmes favoritos são feitos por pessoas que estão fazendo filmes sobre sua própria comunidade. Eu estava conversando com o meu camarada ontem a noite, nós estávamos andando por Nova Iorque, perguntando-se qual era o nosso filme de Novo Iorque favorito, e você sabe o que é engraçado todos são feitos por Nova Iorquinos.” – Ryan Coogler¹ (Tradução Livre).

Coogler conta histórias sobre dramas e personagens que são familiares a ele. Em 2013, ao contar a história de uma pessoa, contou a vida de várias pessoas que sofrem com a violência policial somente por sua cor de pele, são perseguidos e julgados por somente ser. Em 2015, trouxe para o cinema a história de um jovem lutador tentando se desvincular do legado do pai e provar ser capaz de ser um boxeador profissional, não é incomum ver pessoas negras que são cobradas para provar se aptas para ocupar o espaço que ocupam. Em 2018, Coogler mostrou ser capaz de contar histórias de heróis que vão inspirar e servir de símbolo para meninos e meninas negras.

¹Trecho da fala de Ryan Coogler no painel de perguntas e respostas apresentado pela Film Society of Lincoln Center em 2013.
Ryan Coogler e Danai Gurira, nos bastidores do filme Pantera Negra.
Ryan Coogler e Danai Gurira, nos bastidores do filme Pantera Negra.

Referências:

‘Black Panther’ Conquered the Box Office With $242 Million Opening
The Historic Success Of “Black Panther” Should Change Hollywood Forever
Ryan Coogler – Wikipedia
6 Filmmaking Tips From Ryan Coogler
Fruitvale Station – Rotten Tomatoes
Creed – Rotten Tomatoes
Black Panther – Rotten Tomatoes
Ryan Coogle – IMDB
Ryan Coogler is the New Steven Spielberg: ‘Black Panther’ Cements the Rise of Hollywood’s Commercial Auteur
‘Black Panther’ Matters