Artistas negros

Lançamentos

Do funk ao rock selecionamos as melhores novidades musicais lançadas nos últimos três meses no cenário nacional e internacional. Chegamos a mais uma playlist trimestral com o que de melhor foi lançado nos últimos meses e dessa vez trouxemos canções que estão bombando e que vão entrar para a história da música. Começamos com o já icônico Childish Gambino e a sua “This is America”, o vídeo do single do

Ex Africa - CCBB SP

Após receber a exposição sobre o trabalho do renomado artista Jean Michel Basquiat, o Centro cultural Banco do Brasil em São Paulo está em cartaz com a exposição “Ex Africa” desde o dia 28/4. A mostra ficará disponível até o dia 16/7 de 2018. A entrada é franca e visitas agendadas também estão disponíveis. Sobre a mostra: “Exposição que traz ao CCBB pela primeira vez um grande e essencial panorama

Afrofuturismo nas Artes Visuais

As artes visuais são uma categoria onde o afrofuturismo ainda tem poucos artistas representantes, mas é possível encontrar trabalhos que são muito importantes para o afrofuturismo nas artes visuais. Artistas que usam a imaginação na busca de pensar identidades para o povo negro, sempre olhando para o passado e o presente, imaginando futuros possíveis e melhores. Laolu Senbanjo Laolu é artista visual e performer, cantor, compositor e músico se considera

Nicholle Kobi Brasil

Nicholle Kobi é uma artista francesa conhecida por suas ilustrações que retratam mulheres negras parisienses sofisticadas e contemporâneas, aproveitando a vida da melhor maneira possível. A artista é muito conhecida nos países africanos, mas infelizmente não recebe esse mesmo destaque em seu país de origem. Ela ilustra mulheres negras elegantes, ricas e cheias de atitude, imagem comumente associada às mulheres francesas brancas, mas que causam estranheza em quem é de

Jurell Cayetano e as suas pinturas pós-impressionistas

Jurell Cayetano é um artista conhecido por suas pinturas pós-impressionistas que retratam pessoas negras em seu cotidiano. Usando guache e lápis de cor, Cayetano retrata o dia a dia de figuras de pele negra, são homens e mulheres nas mais diferentes situações: bebendo uma cerveja, no cabeleireiro, tocando violão ou posando displicentemente para o artista. O seu trabalho tem toques de pós-impressionismo e pode ser comparado com pintores como Paul Cézanne.